Imagem capa - FOTOGRAFIA DOCUMENTAL DE FAMÍLIA, O QUE É? por Aquele dia Pra Sempre
Fotografia Documental de Família

FOTOGRAFIA DOCUMENTAL DE FAMÍLIA, O QUE É?

A fotografia documental de família é uma evolução dessas primeiras imagens, conquistada após anos e anos de flashes, poses, revelações, selfies e compartilhamentos. A tecnologia moderna com câmeras digitais que permitem uma infinidade de registros nos mais diferentes ângulos e luminosidades, facilitaram cada vez mais esse trabalho, pois permitem vários clics por segundo, diferentemente das câmeras analógicas, as quais cada clic é economizado.

"A foto da família"

Ao ouvir essa frase muitos talvez se lembrem daquelas imagens escuras, com pessoas de pé e carrancudas, vestidas com roupas formais antigas, típico dos retratos pendurados nas paredes das casas mais tradicionais.

Se as primeiras imagens familiares eram pura formalidade e serviam principalmente para identificar os membros de uma família, hoje elas são muito mais do que isso. Se antigamente tínhamos a fotografia como um registro histórico, hoje temos fotografias que, por si só, contam uma história.




Memórias

As primeiras fotografias eram caras e substituíam as pinturas, mas era privilégio das casas mais abastadas. Devido ao alto valor pago, todos precisavam posar estáticos para que nada saísse errado. A fotografia documental de família se popularizou, mas na época dos filmes e das revelações as pessoas continuavam parando/posando para tirar as fotos, de modo pouco natural.

Álbuns com plásticos para armazenagem substituíram os quadros, mas ainda não havia muita naturalidade. Isso até que os fotógrafos começaram a investir na fotografia documental de família como ela é nos dias de hoje.

Retratos do cotidiano

A naturalidade do momento não exige pessoas alinhadas e com sorrisos forçados, bebês segurados no colo enquanto choram ou animais de estimação que tentam desesperadamente se livrar dos braços que os apertam.

A fotografia documental de família é aquela que registra as atividades no momento em que estão acontecendo, de forma natural e dinâmica.Esse tipo de imagem não apenas enumera elementos da família, mas conta, por meio de imagens, a história da vida dessas pessoas.




Intimidade

Para que o trabalho funcione, é importante que o fotógrafo e a família a ser retratada passem um tempo juntos. Esse tempo pode variar de um dia a até mesmo dias, exigindo um grau de intimidade e interação entre as partes para alcançar um bom resultado. Isso porque é importante que a tendência da maioria das pessoas de fazer pose quando de frente para uma máquina fotográfica, seja superada.

As poses não são o objetivo da fotografia documental de família. A ideia é justamente captar aqueles momentos em que não costumamos ser retratados, como quando estamos assistindo à televisão, tomando banho ou fazendo uma refeição. Os fotografados precisam ficar à vontade para que ajam de forma natural, permitindo ao fotógrafo captar os momentos na hora em que estão acontecendo, sem provocar situações, pois isso tiraria a fluidez dos registros.




O fotógrafo

Qualificação e experiência são características essenciais para o fotógrafo, pois essa atividade exige que ele se integre ao ambiente, seja quase invisível para aqueles que serão fotografados e tenha um percepção aguçada dos momentos, tudo em nome da naturalidade.

A fotografia documental de família é uma forma bastante moderna de criar memórias naturais, fluidas e que as pessoas terão vontade de rever no futuro. Elas contam uma história, não são apenas imagens isoladas, mas sim a realidade do cotidiano das pessoas registradas e retratadas em imagens que se tornarão lembranças inesquecíveis.

Gostou ? Deixe seu comentário. Vamos trocar uma idéia!